Presidente da Câmara visitou o futuro Centro de Estágio do CD Aves

Presidente da Câmara visitou o futuro Centro de Estágio do CD Aves

Joaquim Couto visitou, esta manhã, o futuro Centro de Estágio do CD Aves, um investimento da SAD avense.
Este é um projeto acarinhado pela Câmara Municipal de Santo Tirso desde o seu anúncio. “A minha presença aqui significa um estímulo à SAD e ao Clube Desportivo das Aves relativamente ao grande investimento que estão aqui a fazer, inteirar-me do ponto da situação e resolver, se for caso disso, algumas questões onde a Câmara tem uma intervenção direta. Temos mantido um diálogo muito forte com a SAD e o relacionamento pessoal e institucional tem sido excelente. A minha presença aqui é quase como a dar-lhes um 'empurrão' dizendo-lhes “avancem porque o tempo urge”, afirmou Joaquim Couto.
O Centro de Estágio é investimento muito importante uma vez que, além de contribuir para o prestígio do município, vai criar emprego e vai ser um marco na área do desporto. “Nos últimos três anos temos feito um trabalho muito intenso na promoção do município, tornando-o atrativo ao novo investidor e àqueles que já cá estão e pretendem reinvestir nele. Esta obra coloca Vila das Aves e Santo Tirso no mapa do que melhor se faz no futebol português”, rematou o Presidente.
Quanto ao prazo da conclusão da obra, não vai diferir muito do inicialmente anunciado, como conta Luís Duque, representante da SAD avense. “Esta é uma obra grande e complicada, mas muito importante. Este é um projeto acompanhado desde início pela Câmara Municipal. A obra teve um ligeiro atraso devido ao mau tempo do mês de fevereiro, mas esperamos recuperar o tempo perdido. Contamos que em fevereiro de 2018 tudo esteja concluído. Antes disso, os campos de futebol já estarão disponibilizados”, disse.
Luís Duque elogiou a forma como a Câmara tem tratado este assunto. “Há um permanente acompanhamento da Câmara em todo este processo. Por vezes, surgem problemas para resolver, o que é normal numa obra desta envergadura, e todos os técnicos e demais colaboradores do município são sempre muito acessíveis para a resolução destas questões. Isso é muito importante para nós”, concluiu.
O novo Centro de Estágio vai ser edificado numa área de quase quatro hectares e vai ser composto por dois campos de futebol de relva sintética e um de relva natural, com bancada.
Além disso, vai existir um edifício principal provido dum parque de estacionamento. No primeiro piso, vai albergar zonas de convivência social: receção, refeitório, sala de conferências, sala de convívio, sala da equipa médica, ginásio, escritórios e zonas de serviços. No segundo piso, vão estar localizados os quartos: 35 duplos e 10 individuais, com capacidade para cerca de 80 pessoas.
A unidade hoteleira vai receber as equipas que estão sob a gestão da SAD e do clube – as equipas A, B e os juniores – e, também, equipas estrangeiras para a realização de estágios e vai servir de base à formação de jogadores e técnicos de outros países.